Logo - Shift

Macrotransições

A agricultura integrada, uma forma de vencer a mudança climática

Sundarbans, Índia, 9/1/2015 – A propriedade de meio hectare que Sukomal Mandal tem na maior floresta de mangue do mundo é um oásis de prosperidade, apesar de o mar estar tragando lentamente a terra. Mandal, de 50 anos, e sua família vivem na localidade indiana de Biswanathpur, em Sundarbans, a floresta de mangue de dez mil quilômetros quadrados que Índia e Bangladesh compartilham no delta da baía de Bengala.

Neste ponto álgido de biodiversidade, declarado Patrimônio da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), não restam dúvidas sobre o impacto da elevação do nível do mar em razão do aquecimento global. Os estudos mostram que a região perdeu anualmente cerca de 5,5 quilômetros quadrados entre 2001 e 2009, em comparação com os quatro quilômetros quadrados perdidos por ano nas quatro décadas anteriores.

A população local, de aproximadamente quatro milhões de pessoas, sofre inúmeras crises, entre elas a falta de água potável, uma das necessidades mais urgentes das comunidades de subsistência que vivem e trabalham há gerações na rede de ilhas que compõem Sundarbans. por Manipadma Jena (IPS) 

Leia mais(em português)


Comentários

Nenhum Comentário neste post



Comente você também





Voltar

SHIFT: FUNDADORES

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE OS FUNDADORES SHIFT.

Creative Commons License



Shift by Portal de Conteúdo is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Brazil License