Logo - Shift

Macrotransições

Muitas respostas à crise global virão dos países do Sul - Chris Anderson

O curador do TED, evento que revolucionou a difusão de ideias com palestras de 18 minutos pela internet, diz que a inovação virá de nações como o Brasil

A voz naturalmente contida de Chris Anderson, na entrevista por telefone, competia com o burburinho de seus colaboradores ao fundo. A agitação da equipe, na última quinta-feira, era compreensível. Dali a cinco dias, uma nova fronteira estava prestes a ser desbravada pelo TED, o evento que reúne as melhores palestras do mundo. Entre 6 e 10 de outubro, a Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, receberá o TEDGlobal, segundo evento mais importante do grupo, na primeira empreitada do TED na América Latina. A expansão é obra pessoal de Anderson. O TED surgiu nos Estados Unidos, em 1984, como um obscuro seminário de tecnologia, entretenimento e design (assuntos que formam a sigla). Nas mãos de Anderson, a partir de 2001, tornou-se um império (sem fins lucrativos) da difusão do conhecimento. Empresário paquistanês, ele criou um formato atraente de apresentações, em que palestrantes bem ensaiados unem inteligência e apelo emocional. Anderson tinha pouco tempo para a entrevista. Sem problema. As palestras do TED mostraram ao mundo que 18 minutos bastam para transmitir boas ideias. Levamos 17min34s. por Marcelo Moura (revista Época)

Leia mais(em português)


 

Comentários

Nenhum Comentário neste post



Comente você também





Voltar

SHIFT: FUNDADORES

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE OS FUNDADORES SHIFT.

Creative Commons License



Shift by Portal de Conteúdo is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Brazil License